segunda-feira, abril 25

ABRILADA



Em Abril, militares mil
Sem bala, pólvora ou espoleta
Marchando ordeiros, a mando civil,
Fizeram do cravo a baioneta

O povo, sereno, empunhou a caneta
Com um traço cortou a mordaça
E de felicidade, a alma repleta,
Há gente que na rua se abraça

Que a democracia se faça
Impere a justiça e a verdade
Há uma fornada que se amassa
Com o fermento da liberdade

Amadora, 2016

quarta-feira, abril 13

FESTA DA ROSA ALBARDEIRA

PROGRAMA

Para os menos familiarizados com a Rosa de Albardeira (aqui) deixo o link de um post publicado anteriormente. Um filme com algumas imagens do ciclo da floração desta belíssima flor

quinta-feira, abril 7